PINTURA A ÓLEO SOBRE TELA

¡TODOS OS POEMAS PUBLICADOS NESTE BLOGUE ESTÃO PROTEGIDOS PELA LEI COMO PROPRIEDADE INTELECTUAL DO AUTOR, A SUA CÓPIA TOTAL OU PARCIAL NÃO AUTORIZADA É UM ACTO ILÍCITO - PASSÍVEL DE ACÇÃO - PREVISTO NA LEI!

¡ TEU AMANHÃ LUMINOSO !



Para ti meu filho, este ode é por te ter tido !
Como um rio transparente e calmo pela terra verde onde corra, quem sabe, um córrego pensativo...
E nessa terra fértil, cultivas amor e a sensatez de um coração apaixonado !
E não porque sejas meu, mas porque foste plantado com os frutos do amor, na minha mais bela poesia !
Da mesma forma que eu muitas noites me debrucei sobre o teu berço, e verti sobre teu pequenino corpo adormecido as minhas mais indefesas lágrimas de amor !
E pedi a todas as Divindades que cravassem na minha carne todas as farpas, para que não resta-se nenhuma que te pudesse magoar !
Por isso que eu chorei tantas lágrimas, para que não precisasses de chorar, amordacei minha boca, para que não gritasses !
Porque nasceste do amor e cresceste no âmago de mim, como uma árvore dentro de outra, e de mim te alimentaste !
E ao te fazeres homem rompeste meu alburno, e estiraste os braços para abraçares a vida !
E sendo que reconheço nos teus pés, os pés do menino que foste um dia, e nesse caminhar tinhas como tua a minha mão !
Em minha vida és mais que um templo, és um tesouro que me foi legado, e cuja descoberta ora te peço !...
Eu vejo em ti meu filho todo o amor que eu busquei ... Como as amplas estradas da mocidade, cujas veredas da madureza se fazem estreitas ...
O Sol que se põe atrás de mim alonga a minha sombra na tua direcção, para que teu amanhã seja luminoso !




 De, Rogéria Gillemans. 
¡ Registado no Ministério da cultura - Inspecção Geral das Actividades Culturais, I.G.A.C. – Processo N°3089/2009 !

Photobucket